3 Dicas para Aprender Francês Fluente de forma Eficiente

No artigo de hoje, nosso convidado Jérôme Guinet, professor de francês criador do Método Francês Fluente, traz 3 Dicas para aprender francês de forma eficiente. Confira!

Alguns dias atrás assisti um vídeo no Youtube de uma moça chamada Raquel contando a sua experiência com o aprendizado do francês ao chegar no Canadá, mais especificamente no Quebec.

Neste vídeo Raquel contava que por conta de todas as necessidades burocráticas da viagem, como passagens, venda de alguns móveis e a preparação da chegada no novo país, deixou para se preocupar com a questão de aprender o francês na última hora quando já estava lá.

Por experiência própria ensinando o francês há mais de 5 anos para pessoas que desejam imigrar, percebo que realmente existem dois pontos em comum nestas pessoas, que são:

  • elas não levam tão à sério a necessidade de aprender francês
  • e a ilusão de que ao contratar uma escola ou um professor aquele “probleminha” vai se resolver rapidamente, já que o professor vai, como num passe de mágica, transferir todo o conhecimento da língua em pouco tempo

Ou seja, algumas pessoas acreditam que ao fazer a matrícula o problema já estará em parte resolvido e acabam transferindo ao professor a responsabilidade sobre seu aprendizado.

Uma vez instalada no Canadá, Raquel procurou diversas escolas de francês. Primeiro tentou escolas de voluntariados onde pagava valores simbólicos para eles, depois tentou escolas particulares.

Enfim o tempo passava, e Raquel continuava perdendo oportunidades por não saber ainda o francês enquanto via seu parceiro já empregado evoluindo por lá.

Quem está indo morar na província de Quebec no Canadá tem uma real necessidade de rapidez no aprendizado do francês. Quando a passagem está comprada e você sabe exatamente o dia em que chegará lá, você quer saber afinal se até lá já estará conseguindo falar francês.

As vezes faltam 3 meses, 6 meses, 1 ano, 2 anos para chegar o dia da partida e você quer saber se ao se matricular numa escola, até lá já estará com o francês na ponta da língua.

E é curioso porque neste momento bate uma angústia só de pensar na ideia de voltar a ter aulas de idiomas. E esta angústia é tão real quanto o marasmo das aulas de inglês na época de colégio.

Aliás, este é um dos motivos pelos quais as pessoas querem procrastinar o aprendizado do francês. Você não quer ter que enfrentar novamente aquelas aulas entediantes aprendendo verbos irregulares, e que pior, dos quais nunca se lembra!

Matricule-se no curso Método Francês Fluente e aprenda de forma acelerada!

Independentemente de você se matricular ou não numa escola, eu queria neste artigo te passar 3 dicas para você evitar o máximo possível este sofrimento, seja estudando sozinho ou em alguma escola.

Em seguida vou lhe fazer um convite para um evento onde iremos falar mais sobre métodos e formas eficientes para você acelerar seu aprendizado no francês, e também em qualquer outro idioma que queria estudar.

Mas vamos falar agora de algo muito importante, tão importante quanto saber o que fazer para aprender eficientemente o francês, que é, o que NÃO fazer para aprender rapidamente a língua.

1. Não deixe para a última hora

A primeira dica, e também a mais óbvia, depois de ouvirmos a história da Raquel é: não deixe para a última hora ou quando chegar no Canadá para começar a aprender o francês.

Existem formas mais eficientes de você aprender francês que podem te economizar anos e que não necessariamente elas são ensinadas em escolas tradicionais de idiomas.

2. Tenha consistência na prática

A segunda dica é: não acredite que estudar 4 horas na semana ou ir às aulas apenas 2 vezes em sete dias é suficiente.

Quando você entende que seguindo o caminho da eficiência no aprendizado de língua você desenvolve uma capacidade de se manter focado e motivado, você mantém um ritmo de estudo constante.

É esta constância que vai te permitir alcançar seu objetivo de aprender um novo idioma.

3. Esqueça as regras

E por fim, a terceira dica é: se você quer rapidez no seu aprendizado esqueça a gramática, rasgue já os seus livros de regras com exercícios ineficazes.

Não foi estudando gramática que você aprendeu a sua língua materna e não será aprendendo gramática que você aprenderá a falar francês.

Estas dicas fazem sentido para você?

Agora, como prometido, quero te fazer um convite especial.

Somente esta semana, o Jérôme disponibilizou uma série de vídeos com dicas práticas para alavancar o seu aprendizado de francês.

E fique atento, pois nesta segunda, dia 03/julho, ele irá abrir as inscrições para sua nova turma do curso Método Francês Fluente. Fique de olho, poisas vagas esgotam rapidinho!

Vamos lá aprender francês?

Um grande abraço,

Jérôme Guinet
Professor de francês do Método Francês Fluente

Jérôme é um francês apaixonado pelo aprendizado de idiomas. Aprendeu a falar o português do zero e compartilha conteúdos e métodos para aprender francês através do site FrancêsFluente.com e pelo curso Método Francês Fluente.

Comentários

Leave a Reply

Translate »